Receitas culinárias simples, de rápida preparação, testadas por mim.

terça-feira, dezembro 24, 2013

Feliz Natal


quarta-feira, dezembro 04, 2013

Lulas com cerveja

Mais um prato simples, rápido  e muito saboroso para  o dia-a-dia.


1kg de lulas
azeite
1 cebola picadinha
3 dentes de alho
2 dl de cerveja
3 colheres sopa de concentrado de tomate
1 raminho de salsa
sal e piri-piri

Primeiramente arranjar as lulas, separar a cabeça , retirar o interior e as cartilagens. limpe a cabeça, eliminando os olhos. Lave bem de modo a retirar a pele escura. Corte-as em rodelas.

Aqueça o azeite, refogue a cebola picada, os alhos e o piri-piri, junte o concentrado de tomate e as lulas e deixe apurar, junte a cerveja, tempere de sal, tape e deixe apurar até as lulas ficarem tenras e o molho reduzir. Polvilhe com a salsa picada.

Sirva acompanhado de puré de batata bem cremoso.



segunda-feira, dezembro 02, 2013

Cupcakes de chocolate e baunilha



Cupcakes deliciosos para acompanhar um chazinho.

3 ovos
1/2 chávena de manteiga amolecida
1 chávena de açúcar
1/2 chávena de leite
1 e 1/2 chávena de farinha
1 colher chá de fermento
1 colher chá de essência de baunilha
100g de  pepitas de chocolate
1 colher sopa de cacau

Cobertura
100 g de chocolate
20 g de manteiga
1/3 chávena de natas


Pré-aquecer o forno. Forrar 12 formas com as forminhas de papel.
Na batedeira bater a manteiga amolecida com o açúcar, juntar os ovos um a um e bater cerca de 2 minutos até ficar leve e fofo. Junte o leite, a farinha, e a baunilha, misturar bem, junte os restantes ingredientes. Bata mais dois minutos até ficar leve e cremoso.

Divida a massa pelas forminhas. Leve ao forno por cerca de 18 a 20 minutos em forno a 180º até a massa subir e ficar firme.
Retirar do forno, deixar arrefecer completamente antes de enfeitar.

Cobertura:
Derreta o chocolate com a manteiga no micro-ondas, durante cerca de 1 minuto, misture bem, se ainda não estiver totalmente derretido coloque mais uns segundos. Retire e misture as natas, bata bem até ficar um creme liso e brilhante. Deixe arrefecer e enfeite os cupcakes a gosto.

quarta-feira, novembro 27, 2013

Scones


Experimentei estes scones do livro da Joana Roque "Feito em Casa", ficaram muito bons, comi-os simples, mas ficam também deliciosos servidos com manteiga ou compotas a acompanhar um chá ou café.

200g de farinha
40 g de açucar
50 g de miolo de noz cortados em pedacinhos
75 g de pepitas de chocolate (usei chocolate partido em pedacinhos)
1 colher de chá de fermento em pó
1 ovo batido
6 colheres sopa de leite
1 colher sopa de óleo

Juntar todos os ingredientes secos, acrescentar o ovo batido, o leite e o óleo, amassar bem. Tender bolinhas, colocar num tabuleiro untado. Levar ao forno quente durante cerca de 10 a 15 minutos.
Servir quentes com manteiga ou compota.



domingo, novembro 10, 2013

Tripas á Moda do Porto


Prato tipico da cidade do Porto, Tripas á Moda do Porto é um dos pratos preferidos aqui de casa, embora muito raramente faça, não que seja difícil, mas porque é um prato que exige disponibilidade e tempo, e é indicado para fazer em quantidade, para um almoço em família.

1 kg de feijão branco de preferência manteiga
2 cebolas
2 dentes de alho
um pouco de concentrado de tomate
1 kg de tripas
1 orelheira fumada (cozi mas não a usei toda)
1 chispe de porco
1 mão de vaca
1 tira de entremeada
carne de vaca (+ou menos 300g)
um peito de frango do campo
1 chouriço colorau
1 chouriço tipo salpicão
1 tirinha de bacon
sal
colorau
cominhos
salsa
folhas de loureiro


Para que o resultado final seja perfeito, algumas tarefas devem ser feitas antecipadamente.

  1. Feijão de preferência manteiga deve ser demolhado pelo menos 12 horas e depois deve ser pré-cozido, em água sem sal.
  2. As tripas, mesmo quando são compradas pré-lavadas, devem ser bem lavadas e  deixadas de molho com água sal, e limão, durante a noite, e depois cortadas e cozidas em água temperada com sal, e 2 folhas de loureiro. Depois de cozidas, escorrer bem e reservar. A água da cozedura das tripas deve ser rejeitada.
  3. A orelheira deve ser raspada, e lavada. Deixar de molho durante algumas horas. Levar a cozer em água. No fim escorrer, rejeitar a água da cozedura e cortar em pedacinhos pequenos.
  4. Chispe deve ser raspado, os pelos que possam existir queimados e raspados, lavados, e por fim temperados com sal. (eu gosto de deixar as carnes de porco temperadas com sal de um dia para o outro, acho que as carnes assim ficam mais saborosas)
  5. A mão de vaca, também deve ser raspada, e qualquer pelo que exista também queimado e raspado, deve ser bem cozida previamente, pois demora bastante tempo a cozer. Deve-se reservar a água da cozedura da mão de vaca para o caldo.
  6. Cozer as carnes de porco, vaca e frango previamente em água temperada e reservar a água da cozedura. Cortar todas as carnes em pedacinhos.
Nota: eu uso a panela de pressão para a cozedura de todos este ingredientes para ser mais rápida a cozedura.

Depois de todos estes elementos cozidos e cortados a preparação é muito fácil.

Picar muito bem as cebolas, o alho, e com elas fazer um refogado com um pouco de azeite, deixa-se alourar levemente junta-se os chouriços cortados em meias luas, o bacon cortado em tirinhas, vai-se mexendo, junta-se as cenouras as rodelas, o colorau, e um pouco de cominhos, e folha de loureiro, mistura-se, junta-se o concentrado de tomate, um pouco do caldo das carnes, deixa-se apurar um pouco, mistura-se bem, adicionamos as carnes cozidas e cortadas,  as tripas e um pouco do caldo de cozedura das carnes, deixa-se apurar até as carnes ficarem bem tenras, nesta altura juntamos o feijão e mais caldo ou água, rectifica-se os temperos e deixa-se apurar até o feijão estar bem cozido. No final da cozedura poderá acrescentar mais um pouco de cominhos e salsa picada.

Para acompanhar arroz branco é indespensável


sexta-feira, novembro 01, 2013

Cupcakes de abobora e manteiga de amendoim Halloween

Abobora cozida e escorrida (mais ou menos 100g)
225 g de farinha com fermento
175 g de margarina derretida
150 g de açucar
3 ovos
80 ml de leite
1 colher cha de essência baunilha
3 colheres sopa de manteiga de amendoim
1 colher sopa de cacau

Misturar a farinha com o açucar

No liquidificador coloque a abobora escorrida, a margarina, os ovos, a essência de baunilha e o leite, bata bem até ficar um creme.

Misture este creme com a mistura de farinha e açucar, envolva bem.

Divida este creme em duas taças, reservando uma delas, na outra junte a manteiga de amendoim e o cacau, misture bem.

Forre formas de queques com as forminhas de papel, coloque em cada forma metade de massa de abobora e outra metade de massa de amendoim.

Leve a assar em formo pré-aquecido a 180º até espetar o palito e saírem secos.

Cobertura:
1 xicara de açúcar
1/4 de xicara de água
2 claras
1 colher café essência de baunilha
1 folha de gelatina

Ferva a água e o açúcar até o açúcar derreter e formar uma calda. Retire do lume.
Coloque a gelatina a amolecer. Escorra  e junte á calda de açúcar, mexa bem para derreter.
Bata as claras em castelo. Com cuidado vá juntando a calda quente, batendo sempre até ficar bem liso e brilhante.
Deixe arrefecer e cubra os cupcakes com este creme.

Decore a gosto, eu coloquei gomas com formas de monstros para o tema de Halloween


sexta-feira, outubro 25, 2013

coxas de frango assadas com mistura 5 especiarias e molho de piri-piri


Inspirada numa receita do Jamie Olivier, idêntica nos temperos, mas diferente na forma  de cozinhar, mas igualmente saborosa e bem diferente das tradicionais.
A mistura de 5 especiarias e o molho de piri-piri foram feitos por mim, e deixo aqui a sugestão para quem os quiser preparar,


Temperar o frango com sal e uma pitada a mistura de 5 especiarias, por fim pingar um pouco de molho de piri-piri e massajar bem. Deixar repousar e levar a assar até ficar bem tostadinho. Polvilhar com sementes de sésamo, deixar mais um pouco. Retirar.
Acompanhei com batatas assadas, nabiças salteadas e salada de tomate.
 
Mistura 5 especiarias:
 
3 estrelas de anis
1 colher de sopa sementes de erva-doce
1 colher de sopa de pimentas de sichuan - ou 1 colher de chá de pimenta-do-reino
1 colher de chá de cravinhos 

1 colher de chá de canela
em pó Moer tudo na maquina de moer café, até ficar em pó. Guardar em frascos.

Molho de Piri-piri:
 
6 piri-piris,
1 pitada sal
1 dente de alho
Azeite
Vinagre


Moer os piri-piris com o sal e o dente de alho, juntar o azeite e o vinagre, misturar. Guardar num frasquinho


 

quinta-feira, setembro 26, 2013

Doce de tomate


Chegou a fartura de tomates a minha casa, está na hora de prepara-los para o Inverno, os madurinhos
mais pequenos já congelei, hoje foi dia de fazer doce com os coração de boi madurinhos, e ficou tão bom, que já estou a planear fazer mais.

Usei 3 tomates que tinham 1.200g
800g de açucar
1 pau de canela
raspa  e um pouquinho de sumo de limão

Primeiramente retirei as peles ao tomate, tarefa muito fácil, com a faca fazer um corte em cruz no topo dos tomates, coloca-los num recipiente e cobri-los com água a ferver, retirar, e puxar as peles.
Retirar o talo de baixo. Corta-los em pedaços e colocar num tacho alto, por cima ditar o açucar, o pau de canela a raspa de limão e o sumo. Deixar macerar alguns minutos. Levar ao lume baixo, até ficar em ponto de estrada.

Nota: primeiramente vai ficar bastante liquido pois o sumo vai ser extraído, com a cozedura vai engrossar á medida que a calda vai ganhando ponto.
Para sabermos se está no ponto, colocar uma colher de doce num prato, deixar amornar, passar um dedo, se o creme não se unir está pronto.
Quando atingiu o ponto de estrada, retirei do lume, e triturei com a varinha, levei novamente ao lume mais uns minutinhos para apurar.
Depois é só encher os frascos que foram previamente esterilizados. Colocar as tampas e coloca-los de tampa para baixo.

Eu não retirei as sementes, pois o tomate coração de boi é muito carnudo e tem poucas sementes, e gosto de as encontrar no doce, fica muito lindo. Mas isso é ao gosto de cada um.

quinta-feira, setembro 05, 2013

Sapateira recheada


 

Para terminar o verão em beleza, um petisco para o final da tarde, com umas tostinhas e um verde branco...
Miolo de uma sapateira cozida
1 ovo cozido e muito bem picado
2 colheres de sopa de pickles picadinhos
2 colheres de sopa de maionese
1  colher de sopa de mostarda
Um raminho de salsa bem picadinho
2 colheres sopa de sumo de limão

Preparação:

Misturar tudo. Retificar os temperos e servir bem fresco.

domingo, agosto 25, 2013

Tarte de abobora e amendoa



Começou a época das aboboras, e que tal uma tarte bem gostosa com sabor a amêndoas do Algarve, para iniciar. Ficou deliciosa e desapareceu num instante.


Massa quebrada

Abóbora (500g)

Açúcar  150g

Amêndoa   grosseiramente ralada 100 g
Ovos 3

Natas 1 pacote (200ml)

canela

Levar a abóbora previamente descascada e cortada a cozer numa panela com água e temperada com uma pitada de sal, depois de estar cozida, escorra bem, triture-a e deixe arrefecer.

Numa forna de tarte previamente untada, coloque a massa quebrada, pique-a com um garfo e leve ao forno durante 10 minutos a 180º.

Num recipiente colocar o açúcar, os ovos, a amêndoa, as natas,  uma pitada de canela, a abóbora e misturar tudo muito bem.

Retirar a massa do forno, colocar a mistura em cima e leve a tarte ao forno durante 30 minutos.

quinta-feira, agosto 22, 2013

Petingas em molho de tomate e pimentos


Nestes dias quentes queremos pratos leves e fáceis de preparar, este é um daqueles pratos que todos sabem fazer, não tem nada que se lhe diga além de ser, muito bom... e no dia seguinte ainda esta melhor.

Arranjar o peixe (por muito pequeno que seja eu gosto de lhe tirar as guelras e tripas, lavar bem), depois temperar com sal, passar em farinha de milho de preferência, mas no caso de não a ter á mão como foi o caso, foi mesmo farinha de trigo, e frita-se em óleo. Depois de fritas, reservar.  Fazer uma cebolada, acrescentar alho picado, tomates picados e sem pele e pimentos, temperar de sal, uma colher de café de açúcar, para cortar a acidez do tomate, deixar apurar, acrescentar uma colher de vinagre, deixar evaporar e colocar sobre as petingas.

Como acompanhamento fiz batatas cozidas e vagens, mas uma fatia de pão de preferência broa de Avintes e uma cervejinha também vai muito bem.




terça-feira, agosto 20, 2013

Mexilhões á espanhola



Adoro ir á praia de manha cedo,  quando a maré está vaza, aventurar-me no meio das rochas a apanhar mexilhões.

Desta vez deixo esta receita muito simples  com sabor a mar e uma dica de como arranja-los.

Primeiramente arranjar os mexilhões: Demolha-los em água bem fresca e salgada polvilhada com uma colher de farinha e deixa-los por cerca de 1 a 2 horas, isto permite que soltem as areias que têm agarradas.
Após esse tempo raspe bem as conchas com uma faca de modo as cascas ficarem limpas. Por fim extraia as "barbas" Passe-os por água. Elimine os que ficarem a boiar, sinal que não estão bons.

Depois de preparados é só refogar uma cebola num fio de azeite, juntar alhos picados, tomate picado, e pimento picado deixe refogar bem, tempere com sal e um bocadinho de piri-piri.

Acrescente os mexilhões, polvilhe com coentros. Tape e deixe cozinhar durante 5 minutos, ou até abrirem.

Sirva  acompanhado de fatias de pão para molhar no molho.


terça-feira, julho 30, 2013

Licor de cerejas


Minha ultima experiência com cerejas, este licor que já tem um mês e está com uma cor lindíssima. Estou ansiosa para que chegue o Natal para o experimentar. Embora só ficará no ponto dentro de um ano.

A receita é simples, 1/3 da garrafa de cerejas maduras lavadas, 1/3 de açúcar, 1 pau de canela, deixar a macerar durante 2 dias, depois é só encher com aguardente, deixar repousar, de vez em quando abanar a garrafa para o açúcar diluir. Repousa  no mínimo 6 meses em local seco e sem luz.

domingo, julho 28, 2013

Tarte de curgetes com camarão


As curgetes nasceram todas ao mesmo tempo, assim tem chegado cá em casa com fartura, há que fazer uso, depois das saladas, que ainda não publiquei, porque me esqueço de tirar foto, mas que brevemente irão constar aqui, tartes salgadas estão na ordem do dia, hoje foi de curgette e camarão.
Como sempre muito simples e pratica.

1 base de massa folhada
1 curgete média cortada em cubinhos
200 g de camarão descascado (usei congelado)
1/2 lata de cogumelos (opcional usei porque tinha a lata aberta e tinha que gastar)
1 pacote natas
4 ovos
sal e piri-piri, alho

Forre uma tarteira com a massa folhada, pique o fundo e reserve.

Salteie os camarões num pouquinho de azeite, tempere com sal e piri-piri, e um dente de alho esmagado. Retire e reserve. na mesma frigideira salteie a curgete e os cogumelos num pouquinho de azeite, tempere com sal, alho picado, até a curgete amolecer, junte os camarões. Coloque esta mistura sobre a massa folhada. Reserve.
Bata os ovos com as natas tempere, e coloque por cima da curgete.
Leve ao forno assar a 180º, até ficar levemente dourada.

domingo, julho 21, 2013

Doce de cerejas


Pena serem tão caras, estas foram apanhadas por mim, eram bem madurinhas, mas poucas, assim só deu para dois frasquinhos. Adoro doce de cerejas. Ficou tão bom que este frasco já acabou.

1 kg de cerejas
750 g de açúcar

Retirar os caroços as cerejas, colocar num tacho e juntar o açúcar, deixar a macerar durante a noite, para extrair todo o sumo da cereja.

Depois é só colocar ao lume e deixar cozinhar em lume baixo até o sumo engrossar e ficar em ponto de estrada. Para sabermos se está pronto, retirar uma colher e colocar num prato, deixar amornar e fazer uma estrada no doce, se não fechar de imediato está pronto. Eu optei pelas cerejas inteiras, mas se preferir poderá ralar.

Colocar em frascos esterilizados, ainda quente, fechar  bem e coloca-los de pernas para o ar até arrefecerem.




quinta-feira, julho 18, 2013

Tarte de alho frances, bacon e cogumelos





Acabadinha de fazer, uma refeição simples leve e deliciosa.

Massa folhada
cogumelos frescos
bacon
alho francês
4 ovos
1 pacote natas 200ml
queijo parmesão ralado

Forrar uma forma com a massa folhada.
Saltear o bacon cortado em pedaços, acrescentar os cogumelos e os alhos franceses ambos cortadinhos, deixar salterar um pouco.
Bater os ovos com as natas, temperar de sal e pimenta.
Colocar a mistura de bacon, cogumelos e alhos franceses sobre a massa folhada, acrescentar a mistura de ovos, e por fim polvilhar com o queijo.
Levar ao forno a assar até ficar douradinha.

terça-feira, julho 16, 2013

Sopa de favas com espinafres


Adoro sopa de favas mas cá em casa, não gostam muito, assim as favas foram disfarçadas no puré da sopa e os espinafres deram cor.
Todos gostaram.

3 batatas
3 alhos franceses,
1 cebola
favas
espinafres,
sal
azeite

Refoguei ligeiramente a cebola num pouquinho de azeite e juntei todos os legumes cortados em pedacinhos, excepto os espinafres, acrescentei água até os cobrir, temperei de sal e deixei cozer. Reduzi a puré, deixei ferver novamente e acrescentei os espinafres, retifiquei os temperos, deixei ferver novamente para os espinafres murcharem e retirei do lume, acrescentei um fio de azeite, e servi.



quinta-feira, julho 11, 2013

Tarte de chocolate e limão



Esta receita é uma delicia, já a fiz algumas vezes e já tenho a minha versão alterada e que também ficou deliciosa, mas essa fica para uma outra vez.
Aqui fica a versão original que é da Leuza Oliveira. Obrigada pela partilha.


Para a massa :

 200g (um pacote) de bolachas Maria

 3/4 de xícara de Castanha do Pará (usei castanhas do maranhão)

 05 colheres de sopa bem cheias de manteiga amolecida

 

Coloquei as bolachas e as castanhas toda no processador até ficar uma farofa grossa.

 Em seguida coloquei a manteiga bem amolecida (não líquida) e pulsei pra incorporar.

Coloquei esta farofa numa forma de fundo amovível emolde com as mãos, carregando bem para que ela fique bem firme.  Levar  ao forno pré aquecido a 180º por 10 minutos.

 

Para creme de Chocolate usei:

 200g de chocolate amargo (55% cacau)

 04 colheres de sopa de natas

02 colheres de sopa de conhaque

 

Derreter o chocolate no micro-ondas e acrescentar os outros ingredientes até ficar um creme bem homogéneo e liso. Colocar esse creme  sobre a massa assada  (já fria) e deixar no frigorifico enquanto preparara o recheio de limão.

 

Para a Mousse de Limão:

 200ml de sumo de limão

 01 lata de leite condensado

 01 pacote de natas (ao qual foi retirado as colheres para o creme de chocolate)

 3 folhas de gelatina incolor

Colocar tudo no liquidificador excepto a gelatina e deixar bater bem. Por fim hidrata-se a gelatina, e derrete-se em banho-maria ou no micro-ondas, e acrescenta-se a gelatina.

Colocar esta mousse por cima do creme de chocolate e levar ao frigorífico por cerca de 3 horas.
 
 
 

segunda-feira, julho 08, 2013

Linguados fritos



Mais uma refeição de peixe simples e muito saborosa, linguados temperados com sal, endro e sumo de limão, que depois são secos com papel de cozinha e passados por farinha, e fritos em óleo vegetal.
Depois de fritos espreme-se sumo de limão por cima.
Acompanharam um arroz de favas.

quinta-feira, junho 20, 2013

Costeletas americanas grelhadas



Para variar as simples costeletas, inspirei-me numa receita americana, adaptei-a ao n/ gosto, o M. não gosta muito de agridoce, então reduzi ao mel. Ficaram lindas e saborosas.

1/2 colher sopa  mel

2 colher de sopa de óleo

1 colher vinagre de maçã

1 colher de chá de cominhos

½ colher de chá de piripíri

Costeletas com osso

Sal e pimenta


Fazer marinada, misturar todos os ingredientes menos as costeletas.

Temperar costeletas c/sal e pimenta

Colocar num saco c/ marinada e deixar 1 hora.

Aquecer a grelha, retirar as costeletas  da marinada, polvilhar com mais um pouco de sal e pimenta e grelhar durante 4 minutos, virar e grelhar mais 3 minutos.
Acompanhei com batatas novas fritas, e salada de alface.

segunda-feira, junho 17, 2013

Tarte com curd de limão




Quem segue este blog sabe o quanto  eu adoro limão,e já tenho algumas tartes de limão no blog, hoje deixo aqui uma outra, feita pela minha filha Letícia que tal como eu adora tartes de limão, receita inspirada numa tarte da Ina Garten do programa Barefoot Contessa que é uma delicia.

Para a massa da tarte:
150 g de manteiga sem sal
100 g de açúcar
250 g de farinha de trigo
1/2 colher de chá de essência de baunilha
uma pitadinha de sal fino

Na batedeira, bata a manteiga com o açúcar, acrescente a baunilha. Peneire a farinha com o sal e junte ao creme de manteiga, misture em velocidade baixa até que a massa comece a unir.

Despeje a massa na tarteira e pressione com os dedos até ficar forrada com a massa. Reserve alguns minutos no frigorífico.

Pré-aqueça o forno a 180º. Cubra a massa com papel vegetal e preencha com feijões leve ao forno a assar por cerca de 20 minutos. Retire o papel vegetal com os feijões e deixe lourar levemente. Retire do forno e deixe arrefecer.

Para o Curd de limão
4 limões
340g de açúcar
110g de manteiga sem sal
6 ovos (os meus eram pequenos)
1 pitada de sal

Retire a casca de limão com um descascador de legumes (só a parte amarela). Esprema os limões até perfazer 125ml de sumo, reserve.
Coloque as cascas de limão num processador juntamente com o açúcar, e processe durante 2 a 3 minutos até obter uma casca muito bem picada e misturada com o açúcar. Na Batedeira bata a manteiga com este açúcar até ficar em creme. Adicione os ovos, um a um batendo sempre, e por fim adicione o sal e sumo de limão. Misture bem.
Despeje este creme numa panela e cozinha em lume baixo, mexendo sempre, até engrossar, por cerca de 10 minutos.
Retire do lume. Coloque este creme na massa assada e deixe solidificar. Sirva bem fresco.

quinta-feira, maio 02, 2013

Postinhas de carapaus marinadas em vinho tinto

Uma sugestão para o dia a dia, algo que já não comia há algum tempo e que me recorda a infância, no tempo em que vivia no meio de pescadores.

Carapaus grandes cortados em postas e temperados com sal, alhos picados e vinho tinto, marinavam durante uma hora, depois eram escorridos, passados por farinha e fritos.

Para acompanhar um arrozinho malandro de feijão vermelho.

segunda-feira, abril 29, 2013

Truta salmonada com limão e endro


Adoro peixe, há muito que não comia truta salmonada, encontrei-a em promoção e trouxe-a comigo, lembrei-me que ainda não tinha experimentado o frasquinho de  endro da Espiga, e que era uma óptima oportunidade para usa-lo. Só posso dizer que ficou uma delicia.

Amanhar a truta salmonada, temperar com sal, endro, alhos fatiados, rodelas de cebola e rodelas de limão. Colocar também dentro do peixe.  Espremer o sumo de limão sobre o peixe.
Levar a assar primeiramente coberto com papel de alumínio durante 15 a 20 minutos (depende do tamanho), retirar o papel e deixar assar por mais 10 minutos para alourar um pouco.

Servi com batatinhas novas assadas á parte, e salada de alface.

sábado, abril 27, 2013

Flan de Maça


Um pudim na panela de pressão muito bom.

50 g de manteiga
60 g de farinha
230g de açúcar
1 colher de chá de fermento em pó
3 ovos
3 maças
250ml de leite

Calda:
1xicara açúcar
1/4 bicara de água

Faça uma calda com uma xícara de açúcar e 1/4 de xícara de agua, leve ao lume a ferver até ficar. um caramelo clarinho. Com esta calda forre a forma de pudim.

Descasque e corte gomos de 2 maças bem finas e coloque no fundo da forma. A restante maça descasque e corte em pedaços, junte aos restantes ingredientes e bata tudo no liquidificador. Coloque esta mistura sobre os gomos de maça. Leve a cozer em banho-maria na panela de pressão durante 20 minutos.

Desenformar morno e servir bem fresco.

Nota: fica um pudim pequeno.

quinta-feira, abril 25, 2013

Frango com alho e gengibre e limão



Mais uma refeição simples, e muito gostosa, para variar  o sabor do frango depois de cortado em pedaços pequenos, marinei-o  numa mistura de alho, gengibre ralado, piri-piri, sal e sumo de
limão, e um raminho de tomilho, durante uma hora. Depois escorri e coloquei num tacho com um pouco de óleo, deixei alourar bem de todos os lados lentamente para que ficasse bem cozinhado por dentro. Por fim juntei o liquido da marinada e deixei cozinhar até reduzir e começar novamente a fritar.

Servi com batatas fritas aos quartos e ervilhas de quebrar salteadas.


terça-feira, abril 23, 2013

Bolachinhas de manteiga de amendoim








Há muito que queria fazer estas bolachinhas, mas nem sempre encontro a manteiga de amendoim, desta vez saíram, e ficaram deliciosas.


50 g de manteiga
150g de açúcar
1 ovo
2 colheres sopa de manteiga de amendoim
Pepitas de chocolate
150 g de farinha

Na batedeira bater a manteiga com o açúcar, quando estiver um creme fofo juntar o ovo e a manteiga de amendoim, bater mais um pouco, acrescentar a farinha  e as pepitas de chocolate e envolver.

Retire colheradas de massa  (usei a colher de gelado) e coloque em forma forrada com papel vegetal, espaçadamente.

Leve ao forno até ficarem levemente douradas.

Retire e deixe esfriar sobre uma rede.

segunda-feira, abril 01, 2013

Bacalhau á Zé do Pipo á minha moda



Este bacalhau é delicioso, receita do Norte adaptada a minha maneira, no puré usei instantâneo para ser mais rápido, mas quando tenho tempo e disposição faço um puré caseiro que fica ainda mais delicioso.

Usei postas de bacalhau, devidamente demolhado, que escaldei em água a ferver. Reserve esta água para o puré. Sequei o bacalhau, passei por farinha e levei a fritar em azeite até ficar levemente dourado.

Enquanto o bacalhau frita, prepare os ingredientes para a cebolada, cebola cortada em rodelas, alhos picados, usei também um alho francês cortado em rodelas.

Retire o bacalhau e coloque no centro de uma assadeira, e na mesma  gordura de fritar o bacalhau coloque as cebolas, o alho e alho francês, deixe alourar, tempere levemente. Corte pikles em pedaços e junte á cebolada, (eu só usei pepinos), misture e retire do lume. Coloque por cima do bacalhau. Por cima desta cebolada coloque algumas colheres de maionese, e espalhe de forma a tapar todo o bacalhau.
Prepare o puré conforme o habitual ou conforme as instruções da embalagem, use a água de escaldar  o bacalhau para dar mais sabor.
Coloque em volta do bacalhau e leve ao forno a gratinar.

sexta-feira, março 29, 2013

Bolo de chocolate Dia do Pai


Este bolo é uma delicia, fofinho, cremoso, delicioso, foi feito pela filhota Leticia e sobrinha Ana para comemorar o dia do Pai.

5 ovos (claras e gemas separadas)
1 e 1/2 xícara  de açúcar
2xicaras de farinha de trigo
1 colher sobremesa de fermento
1/2 xícara de chocolate em pó
1/2 xícara de leite morno

Na batedeira bata as claras em castelo com uma pitadinha de sal, junte as gemas uma a uma batendo sempre, adicione o açúcar, continue a bater. Acrescente a farinha e o chocolate peneirados, e por ultimo o leite. Misture delicadamente até obter uma massa homogénea. Despeje em forma untada e enfarinhada. Leve a assar em forno pré-aquecido a 180º, até que enfiando um palito este saia seco.
Desenforme, deixe amornar e corte em duas partes, cubra uma das partes com o recheio, coloque a segunda parte e cubra com o restante creme. Enfeite a gosto.

Recheio:
1 lata de leite condensado
1 lata do leite condensado com leite
2 colheres manteiga
1 tablete de chocolate

Num tachinho coloque os leites a manteiga e o chocolate partido em pedacinhos, leve ao lume mexendo sempre, até derreter o chocolate e engrossar, até ficar um creme homogéneo. Deixe arrefecer e recheie e cubra o bolo.

sexta-feira, março 22, 2013

Coelho assado com especiarias Espiga


Coelho delicioso temperado com as novas especiarias da Espiga, já conhecem a mistura de" limão e salsa", e "alho e jindungo", uma delicia para quem gosta do aroma a limão.

O Coelho foi lavado, cortado em pedaços e temperado com sal, as duas misturas acima mencionadas, colorau, azeite e meia garrafa de cerveja. Ficou a marinar durante a noite. No dia, coloquei tudo no tabuleiro, reguei com maqis um fio de azeite, coloquei uma cebola cortada em rodelas, e batatas.
Levei a assar até ficar tostadinho como eu gosto.

quarta-feira, fevereiro 27, 2013

Bacalhau á brás com espinafres rápido


Com a falta de tempo com que ultimamente me debato, tenho que preparar refeições rápidas e simples, penso que já tinha colocado neste blog uma versão idêntica deste bacalhau á Brás com espinafres, a minha versão original em que as batatas eram fritas por mim. Nesta versão uso batata palha de compra, ficando assim bem mais rápida a preparação.

Coze-se duas postas de bacalhau, e desfia-se. Faz-se uma cebolada com cebola, alho e azeite, quando a cebola estiver transparente, junta-se o bacalhau, e os espinafres, envolve-se bem, quando os espinafres estiverem murchos, junta-se a batata palha, envolve-se. Entretanto bate-se 4 ovos e envolve-se no preparado anterior, mexer bem para que os ovos envolvam todo o preparado e cozam levemente.
Retirar do Lume e servir.

Nota: Não costumo temperar com sal pois o bacalhau e as batatas fritas palha já tem sal suficiente, mas convém provar e rectificar os temperos se deles precisar.

quarta-feira, fevereiro 20, 2013

Sopa de agriões e espinafres



Uma sopa simples para aquecer estes dias frios.

Há quem faça a sopa começando por refogar cebola em azeite, eu faço há moda antiga, cozo todos os ingredientes e só depois de tudo cozido, junto o azeite, assim ele não perde as propriedades.

Nesta sopa coloco  uma panela com água, 4 batatas, 1 cebola e 1 dente de alho, quando as batatas estiverem cozidas, junto 1 molhinho de espinafres e 1 molhinho de agriões, deixo ferver, tempero com sal e reduzo a puré, deixo ferver novamente junto um fio de azeite e retiro do lume.

Para quem gostar ao servir, poderá colocar uma colher de natas ou iogurte para decorar. Eu pessoalmente gosto assim simples.

sábado, fevereiro 16, 2013

Bolo de Laranja caramelizado Branca de Neve

Já conhecem o novo preparado de Bolo de laranja da Branca de Neve?





Eu não conhecia, a Branca de Neve enviou-me esta embalagem para experimentar. Como não tenho tido tempo para grandes cozinhados, e queria um bolinho para o chá resolvi fazer este, que é muito simples, só seguir as instruções da embalagem e forno, em 25 minutos temos um bolo pronto.
Como queria um bolo bem húmido, resolvi fazer um caramelo claro para barrar a forma e aqui inovei um pouco, para ficar um caramelo mais cítrico...
Deixo aqui a sugestão para quem quiser experimentar.

Caramelo claro para barrar a forma:
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de água
2 grãos  de cardamomo espiga (facultativo)
2 cascas de laranja
Sumo de 1 laranja
1 Laranja

Levar o açúcar, a agua, o cardamomo e as cascas de laranja ao lume até formar um caramelo claro, nessa altura juntar o sumo de laranja e deixar ferver mais um pouco. Retirar do lume e barrar uma forma com esta calda. Use a calda toda para que o bolo fique bem húmido. Depois da forma caramelizada, corte uma laranja em rodelas e forre a forma com elas.

Bolo:
1 saqueta do preparado Branca de Neve
4 ovos
100g de margarina
1 dl de leite

Na batedeira coloque os ovos, a margarina, o leite e o preparado, misture tudo em velocidade mínima
até juntar todos os ingredientes. Bata seguidamente 5 minutos em velocidade máxima.
Verta esta massa na forma já caramelizada.

Leve a cozer em forno pré-aquecido pior cerca de 25 minutos a 180º, verifique a cozedura com um palito, se sair seco, está pronto. Desenforme.






quinta-feira, janeiro 31, 2013

Massa cotovelos com grão e espigos de penca


Isto é confortfood, comidinha da avó, óptima para nos reconfortar nestes dias frios, comidinha com muito sabor, pode ser antiquada, mas para mim a melhor massa do mundo.

Fazer um refogado com cebola e alho picado, acrescentar um pouco de bacon em cubinhos, cenoura e cubinhos, carne de vaca em cubinhos, refrescar com um pouco de vinho branco, acrescentar um pouco de água temperar com sal, 1 folha de louro, juntar um pouco de polpa de tomate, 1 cubo de caldo de carne, e deixar estufar, até a carne ficar tenra, juntar o grão cozido (uso de lata), a massa, e os espigos de penca cortados em pedaços, acrescentar água fervente aos poucos de modo a massa cozer e ficar com algum caldo. (Antes da massa estar cozida rectificar os temperos).
Servir quentinha.

terça-feira, janeiro 29, 2013

Bolo pudim de chocolate e laranja


Um novo bolo pudim, diferente do outro que já  publiquei  aqui no blog, também delicioso e de facil preparo. Neste temos de ter atenção aos tempos de assadura, 30 minutos só o pudim, acrescentar a massa de bolo e assar mais 25 a 30 minutos.

Caramelo:
1 xicara de açucar
1/2 xicara de água

Colocar numa caçarolinha e levar ao lume até formar um caramelo claro. Com este caramelo ainda quente caramelizar  uma forma de buraco no meio e reservar.

Pudim:

1 e 1/3 de xicara de leite = 350ml
1 lata de leite condensado
4 ovos
1 colher de sopa de raspa de laranja.

Bater tudo no liquidificador e colocar na forma já caramelizada. Levar ao forno em banho-maria a assar por 30 minutos, ou até ficar levemente firme.

Bolo:
2 ovos
1/4 de xicara de óleo = 50ml
1/2 xicara de sumo de laranja = 100ml
1 xicara de açucar
3 colheres sopa de chocolate em pó
1 xicara de farinha com fermento
raspa de 1 laranja

Bater no liquidificador os ovos, óleo, sumo de laranja e açucar. acrescentar aos poucos o chocolate e a farinha, bater mais um pouco, acrescentar a raspa de laranja, envolver.
Colocar por cima da massa de pudim  ao fim dos 30 minutos e levar a assar por mais 25 a 30 minutos até enfiar o palito e sair seco.
Desenformar morno.



sexta-feira, janeiro 25, 2013

Bacalhau no forno


Uma posta de bacalhau no forno, muito simples  e muito pratico.

As postas de bacalhau foram demolhadas previamente.

Cozi batatas com casca em água temperada de sal.

Fiz uma cebolada com azeite cebola e alho picados, temperei com uma pitadinha de sal e pimenta, só para aromatizar o azeite, quando a cebola ficou levemente dourada juntei uma pitadinha de salsa picada.

Coloquei o bacalhau no meu velhinho tabuleiro de barro, á volta coloquei as batatas que amassei levemente, por cima reguei com o molho da cebolada e levei ao forno até o bacalhau cozer (cerca de 20 minutos).


Minha sugestão:  compro bacalhau inteiro, peço para partir em postas, lombos e badanas, assim tenho bacalhau para várias opções, coloco-o todo a demolhar em água fria, mudando várias vezes a água, retiro primeiro as badanas e postas mais finas e deixo as mais grossas demolhar um pouco mais. Se o bacalhau estiver bem seco as postas grandes podem demorar 2 a 3 dias a demolhar, retire uma lasquinha do centro para verificar o sabor. Seco bem e coloco em sacos de congelação posta a posta e congelo. Assim tenho sempre o bacalhau pronto a usar, basta retirar a tempo de descongelar.

terça-feira, janeiro 22, 2013

Salada de polvo


Adoro salada de Polvo, mas raramente me lembro de a fazer, e fica tão bom.

Cozi o Polvo como costumo fazer sempre, coloquei-o na panela de pressão com um fio de azeite, 1 cebola. Fechei, deixei cozer 20 minutos, retirei a pressão e abri, retirei o polvo, cortei-o em pedaços para uma taça. Reservei.
Preparei o molho: 1 cebola, alho picado, 1 pimento picadinho, 1piri-piri muito bem picadinho, juntei também um pouco de cebolinho que tinha em casa, e salsa bem picadinha, juntei azeite extra virgem, e um pouco de vinagre de vinho, misturei bem e deitei sobre o polvo, envolvi bem e reservei até servir.
Acompanhei com batata cozida.

sábado, janeiro 19, 2013

Bolo encharcado de limão

 
A primeira receita retirada do meu novo livro "Prazeres divinos" da Nigela, feito pela filhota, e delicioso, ficou um bolo pequeno mas muito cítrico óptimo para quem gosta do sabor do limão.

Bolo:
125 g de manteiga
175 g de açúcar
2 ovos grandes Os meus eram pequenos usei 3)
raspa de 1 limão
175 g de farinha com fermento
pitada de sal
4 colheres sopa de leite

Xarope:
sumo de 1 limão e meio
100g de açúcar em pó (usei açúcar normal)

Pré-aqueça o forno a 180º, unte e forre uma forma de bolo inglês. (usei a minha forma de silicone por isso não forrei, mas concordo que é mais fácil para desenformar, o meu partiu-se um bocadinho).

Na batedeira, bata a manteiga com o açúcar, depois junte os ovos, a raspa de limão.Acrescente aos poucos a farinha e o sal envolvendo suavemente, por fim junte o leite. Verta na forma e leve a cozer até ficar dourado, e enfiar o palito e este sair limpo.
Enquanto o bolo coze prepare o xarope: Coloque o sumo de limão e o açúcar numa caçarola e leve ao lume brando até o açúcar se dissolver.

Mal o bolo saia do forno, fure-o com um palito e regue o bolo com o xarope. Desenforme depois de frio para que não se parta.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...