Receitas culinárias simples, de rápida preparação, testadas por mim.

sexta-feira, março 28, 2008

Enguias fritas


Meu Marido foi á pesca e trouxe enguias, ao contrario do que muitos pensam, não é difícil preparar as enguias, o difícil é morrerem, tenho apanhado vários sustos com elas, já me aconteceu por várias vezes ,já depois de lhes ter cortado a cabeça elas saltarem da pia. Por isso essa parte fica para o M., que as coloca em agua com sal e vinagre. Depois corta-se a cabeça, da-se um pequeno golpe na pele de cada lado, levanta-se um pouco de pele com ajuda de uma faca e depois é só puxar a pele com cuidado para não rebentar, elas esfolam num instante. Agora é abrir a barriga e estripar, limpar bem com água corrente, não deve ficar vestígios de sangue. E estão prontas para ser confeccionadas.


Desta vez preferi bem simples, fritas, não tem nada a saber, tempera-las com sal e limão, escorrer passar por farinha e frita-las em óleo bem quente.


Para acompanhar arroz de tomate e salada.


segunda-feira, março 24, 2008

Folar tradicional de Vale de Lamas

Este folar é muito especial, pois foi feito pela filhota, a receita está no livro de Lingua Portuguesa do 3º ano, e a titulo de brincadeira surgiu este folar delicioso. Que será repetido muito mais vezes.

Fizemos só metade desta receita:



1 kg de farinha

12 ovos+1 gema p/pincelar

30 g de fermento padeiro

10 g de fermento Inglês (Royal)

250 g de manteiga

10 cl de azeite.
carnes gordas (toucinho cozido, presunto, paio, fiambre)




Bater os ovos levemente.

Peneirar a farinha, abrir uma cavidade no centro e colocar todos os ingredientes, amassar muito bem, fazer uma bola, cobrir com pano seco, e deixar levedar em local sem correntes por 2 horas (coloco no forno).

Passado esse tempo, amassar mais um pouco, e estender com o rolo, rechear com as carnes, enrolar a massa e colocar na forma em que vai assar, repousar por mais 30 minutos, pincelar com gema de ovo e levar a assar.

(A forma tradicional é redonda, mas neste caso foi a que estava a mão.)








Pão-de-ló de Ovar



Mais uma receita que me foi oferecida em quantidades industriais, e que tive de reduzir para um tamanho familiar.


Este pão-de-ló fica bem humido, tive dificuldade no tempo de forno, na receita original, apontamento de pasteleiro não mencionava nem tempo nem temperatura, o primeiro que fiz á uns tempos atrás ficou crú com muito molho esteve cerca de 30 minutos no forno, estava douradinho, e como é normal ficar um pouquinho de molho, pensei que estaria no ponto, mas não.

Segunda tentativa - 6ª feira santa, levantei-me com vontade de fazer pão-de-ló, deixei no forno 1 hora, estava delicioso, humido, mas sem molho, foi devorado á sobremesa, nem deu para tirar foto.

Terceira tentativa - Sabado, tinha que ter pão-de-ló para o domingo de pascoa e desta vez tinha que ser o que eu imaginará, 45 minutos no forno a 180º, um pão-de-ló humido com um pouquinho de molho, como eu queria.


A receita:


5 ovos inteiros

3 gemas

220 g de açucar

120 g de farinha com fermento


Primeiramente forrar uma forma redonda com papel (usei cavalinho).


Bater na batedeira os ovos, gemas e açucar durante 10 minutos. Reduzir a velocidade e acrescentar a farinha, bater mais um pouco em velocidade baixa.


Deitar a massa na forma forrada e levar ao forno a 180º por cerca de 45 minutos.

Bacalhau á brás diferente


Gosto de aproveitar as comidinhas que a filhota adora para juntar uns legumes que detesta, e assim comer sem reclamar .

1 posta de bacalhau do lombo
batatas
espinafres
cebola, alho
2 ovos
salsa picada

Descascar as batatas e cortar em juliana fina, lavar bem para tirar a goma, escorrer e secar com papel absorvente, fritar.

Escaldar o bacalhau, desfazer em lascas, separando peles e espinhas.

Escaldar os espinafres em água temperada. Escorrer.

Cortar a cebola ás rodelas e dourar no azeite juntamente com um dente de alho, juntar as lascas do bacalhau e os espinafres, envolver bem.

Bater os ovos temperar com sal e pimenta

Num tabuleiro colocar as batatas fritas, o preparado de bacalhau, e os ovos batidos, envolver bem e levar ao forno para os ovos cozerem sem que se deixe secar totalmente.

Polvilhar com salsa picada e servir.

terça-feira, março 04, 2008

borrego assado no forno


Que tal um borreguito assado, bem tostadinho?


Retirar o excesso de gorduras, colocar em vazilha com agua, sal, rodelas de limão, folhas de louro, dentes de alho socados. Deixar durante a noite nessa agua.

No dia escorrer a carne e temperar com uma mistura de azeite, alhos esmagados,1 dl de vinho tinto, salsa picada, louro, folhas de hortela também picada, piri-piri, sal.

Repousar por cerca de 2 horas para tomar o gosto e levar a assar até ficar bem tostadinho.

Para acompanhar batatinhas assadas juntamente com o cordeiro, arroz preparado com caldo que o bichinho vai largando durante a assadura, e ervilhinhas salteadas.

pavê de framboesa

Mais uma sobremesa fresquinha, deliciosa, e muito facil de preparar.
Confesso que a tarefa foi facilitada pois na semana passada tinha feito o doce de framboesa, a receita está aqui, e como estava com preguiça para bater um bolinho usei uns queques que tinha em casa.

4 dl de natas
doce de framboesa
5 folhas de gelatina
queques (ou fatias de bolo)

Decoração:
doce de framboesa
framboesas
hortelã


Demolhe as folhas de gelatina.
Bata as natas até ficarem firmes, junte 5 colheres sopa de doce de framboesa, envolva bem.
Derreta a gelatina em banho-maria, e envolva nas natas. Reserve.
Num prato de servir coloque um aro, dentro coloque as fatias de bolo( neste caso fatias de queques) para formar uma base por cima coloque o creme de natas. Leve ao frigorifico até prender bem. Eu costumo fazer á noite para servir no dia seguinte.
Antes de servir decore com doce de framboesas, framboesas e folhas de hortelã.

Douradas assadas á moda do M.

Esta refeição foi preparada pelo M. e estava uma delicia. Sabe tão bem chegar a casa e ter tudo prontinho, só sentar na mesa.



douradas
sal, alho,salsa picada, azeite, piri-piri, cebola
batatas

Depois de arranjadas e de bem lavadas dar uns golpes no lombo,num tabuleiro de forno colocar cebola as rodelas, por cima os peixes, temperar as douradas com a mistura de sal, alho esmagado, salsa picada, azeite e piri-piri, colocar também por dentro para tomar gosto. Repousar por umas duas horas. Na altura de ir ao forno rodear com batatinhas e levar assar.

tarte de carne assada com cenoura



Massa:
275 g de farinha
3 gemas
100 g de manteiga
1 dl de agua morna
uma pitada de sal
salsa picada e alho picado




Recheio:

carne assada, cortada em tirinhas

cenoura ralada

cogumelos cortados em tiras

2 dl de natas

2 dl de leite

2 ovos

sal, pimenta e salsa picada

queijo ralado



Massa:
Num recipiente coloque a farinha, as gemas e a manteiga amolecida, amasse e vá juntando a agua morna pouco a pouco, tempere com sal, o alho e a salsa e continue a amassar até obter uma massa homogénea . Deixe repousar cerca de 30 minutos para ficar com maior elasticidade.
Estenda-a numa superficie enfarinhada e com a ajuda do rolo estenda e forre uma tarteira.
Recheie a massa com a carne, assada, por cima cubra com a cenoura ralada, os cogumelos cortados.
Misture as natas, o leite e os ovos, tempere com sal, pimenta e salsa picada e verta por cima dos cogumelos, por fim polvilhe com queijo e leve ao forno a assar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...